Notícias

Alergias respiratórias. Saiba o que fazer!

Alergias respiratórias. Saiba o que fazer!

A incidência de ações alérgicas por doenças respiratórias aumentam muito nessa época do ano em função das baixas temperaturas. Os sintomas mais comuns são coriza, coceira na região dos olhos e nariz, espirros e tosse. Crianças geralmente têm os primeiros acessos antes dos 10 anos de idade, mas as alergias podem se manifestar em qualquer idade. E são desencadeadas por diversos fatores.

Com a chegada da pandemia do COVID-19 desde Março, fica ainda mais arriscado e difícil evitar esses sintomas pelo contato das mãos no rosto.

As doenças mais comuns são:

  • Sinusite alérgica: pode apresentar dor na face, febre, coriza clara e abundante, obstrução nasal, crises de espirros e tosse abundante.
  • Rinite alérgica: tipo mais comum da rinite. Apresenta sintomas como coriza, congestão nasal, coceira e ardor nos olhos, nariz e boca, além de crises de espirros.
  • Faringite alérgica: a crise alérgica pode afetar, além da laringe, a mucosa nasal das vias aéreas. Pode causar ardor na região que conecta a boca e o nariz.

Existem algumas formas de evitar a proliferação dessas doenças:

  • Encape colchões e travesseiros e lave-as uma vez ao mês;
  • Abra as janelas para arejar o ambiente diariamente;
  • Preste atenção à umidade dentro de casa e evite o mofo;
  • Limpe a casa com um pano úmido somente com água e produtos sem cheiro;
  • Mantenha os animais de estimação longe do quarto de dormir;
  • Tire o pó da casa diariamente;
  • Lave as roupas de inverno que estão guardadas antes de usá-las;
  • Evite bichos de pelúcia, almofadas, cortinas, tapetes, livros, jornais e outros objetos que podem acumular pó, no quarto ou ambiente de trabalho.

Importante lembrar que os sintomas mais graves ou um diagnóstico completo devem ser acompanhados por um profissional de saúde.


#doencasrespiratorias #bronquite #sinusite #qualidadedevida #imunidade #infancia #pediatria #xoacaro #higienelimpeza